Quem Somos | O que é? | Aparelhos | Artigos | Agenda | Testemunhos | Perguntas Frequentes | Links | Contato
23º Orelhão, curso tradicional do HC-FMUSP, teve novidades em cirurgias otológicas
Realizado entre 6 e 8/8 de 2012, o 23º Orelhão contou com cirurgias ao vivo, aulas teóricas e palestras realizadas pelo corpo docente da Disciplina de ORL e convidados especiais sob a coordenação do Prof. Dr. Ricardo Ferreira Bento


Mais um evento de sucesso absoluto promovido pelo HC-FMUSP e organizado pela FO aconteceu entre os dias 6 e 8 de agosto, em São Paulo, no Hospital das Clínicas da FMUSP. Trata-se do 23º Orelhão, cujas vagas esgotaram-se rapidamente devido às cirurgias transmitidas ao vivo para seus participantes e as aulas teóricas ministradas por um grupo seleto de otologistas. "Este ano, tivemos muitas novidades", disse o Prof. Dr. Ricardo Ferreira Bento, coordenador do evento. A Dra. Raquel Salomone falou sobre a monitorização intraoperatória do nervo facial e a Dra. Anna Carolina Fonseca sobre obliteração de cavidades mastoideas. Inclusive, fez parte do programa uma obliteração utilizando osso particulado do banco de ossos da Ortopedia do HCFMUSP. "Essa solução é muito adequada para nosso meio pois diminui substancialmente o custo do material para obliteração. Os materiais sintéticos apresentam custos maiores de R$ 10.000,00 por cirurgia, enquanto que o osso particulado de doadores, muito utilizado em ortopedia e buco maxilo cirurgia tem custo de aproximadamente R% 500,00" disse a Dra. Anna Carolina que realiza trabalho de tese sobre a técnica.

O Orelhão tem como objetivo demonstrar as técnicas cirúrgicas utilizadas pela Disciplina de Otorrinolaringologia na Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e as cirurgias são transmitidas ao vivo, da sala de cirurgia para a plateia. "O cirurgião ensina a sua técnica, explica os procedimentos e responde as perguntas que os participantes do curso faz em tempo real, interagindo com os residentes e médicos que prestigiam o Orelhão. E esse ano, o número de perguntas foi bem maior que as dos anos anteriores".

Preparado por toda a equipe
O 23º Orelhão foi um evento organizado por todo o corpo docente da ORL do HC-FMUSP e este ano teve como programação as seguintes cirurgias:Timpanomastoidectomia realizada pelo Prof. Dr. Ricardo Ferreira Bento, Timpanoplastia Técnica Overlay com Canaloplastia realizada pelo Prof. Dr. Rubens Vuonno de Brito Neto, Estapedotomia pelo Dr. José Celso R. Souza,Miringoplastia, realizada pela Dra. Marina Hausen Pinna, Estapedotomia Via Supra Meatal, realizada pelo Prof. Dr. Ricardo Ferreira Bento

No dia 7: Exérese de Paraganglioma Timpânico, pelo Prof. Dr. Ricardo Ferreira Bento, Mastoidectomiacavidade aberta pelo Prof. Dr. Rubens Brito Neto, Timpanoplastia Via Retroauricular, pelo Dr. Roberto A. Carlo Bonanomi, Cirurgia do Nervo Facial, pelo Prof. Dr. Ricardo Ferreira Bento.

No dia 8:Exérese do Neuronoma do Acústico, realizada pelo Prof. Dr. Ricardo Ferreira Bento, Implante Coclear, pelo Prof. Dr. Robinson Koji Tsuji, e duas revisões de mastoidectomias com obliteração da cavidade.

Participantes de todo o Brasil
Com participantes do Sul, Sudeste, Norte e Nordeste do Brasil, o 23º Orelhão cumpriu, mais uma vez, com a sua proposta. As salas estavam cheias e os participantes, interessados nas cirurgias que eram apresentadas ao vivo. "O Orelhão já faz parte da minha agenda anual. É a terceira vez que participo e participarei em outros anos também. Organizado, com imagens que captam bem as técnicas dos otologistas e convidados de excelente nível. Sempre tem novidades. Esse ano o som, imagem, tudo colaborou. A coordenação e organização estão de parabéns. A cirurgia que mais me chamou a atenção foi à realizada pelo Prof. Ricardo, de descompressão do nervo facial", revelou um dos participantes da Bahia.

É interessante que o Orelhão é tão bem comentado pelos participantes de outros anos que aumenta o interesse. Aí não dá como não comparecer", comentou um participante do Rio de Janeiro.