Quem Somos | O que é? | Aparelhos | Artigos | Agenda | Testemunhos | Perguntas Frequentes | Links | Contato
18/08/2008 Realizado a primeira cirurgia de implante de tronco cerebral em crianças do Brasil
O implante de tronco cerebral é indicado para aqueles pacientes que não podem ser submetidos ao implante coclear devido a mal formação na cóclea, no nervo auditivo ou ossificação da cóclea por meningite.
No dia 18 de agosto foi realizado no HCFMUSP o primeiro implante de tronco cerebral em criança.

No mundo foram somente realizadas aproximadamente 60 cirurgias em crianças.

Nos Estados Unidos não está ainda autorizado pelo FDA.

A equipe de Otologia da Faculdade de Medicina da USP, chefiada pelo Prof. Ricardo Bento foi autorizada em junho pela Comissão de Ética do HCFUSP a realizar 10 casos para estudo dos resultados.

Para a primeira cirurgia esteve presente o Prof Vitório Colletti da Universidade de Verona, Itália, pioneiro da técnica em crianças.

A equipe cirúrgica foi composta pelo Prof. Ricardo Bento, Prof. Rubens Brito Neto, Dr. Robinson Koji e o neurocirurgião Dr. Marcos Gomes. A cirurgia foi realizada nas dependências do Centro Cirúrgico do Instituto de Psiquiatria do HCFMUSP, que apresenta alto grau de sofisticação técnica, com neuro-navegação assistida, CT e Ressonância Magnética intraoperatória.

A monitorização intracraniana dos pares cranianos intraoperatória foi feita pelo Dr. Ricardo Ferreira e pelo Dr.Jaime R.López, Director Intraoperative Neurophysiologic Monitoring Program of Neurology and Neurological Sciences and Neurosurgery, Stanford University School of Medicine.

O pequeno paciente Josué com 2 anos e 8 meses tem uma malformação congênita (agenesia de cóclea e nervo coclear). clique aqui e veja as imagens e a descrição do caso.

Ele apresentou resposta positiva nas estimulações intra-operatórias com BERA elétrico presente, testado pelas fonoaudiólogas do grupo que participaram da cirurgia, Maria Valéria Goffi Gomes e Ana Tereza Magalhães.

A Dra. Mariana Hausen, do grupo de ouvido do HCFMUSP, preparou todo o trabalho para a comissão de ética e estará compilando os resultados audiólogicos e complicações.
Dentro de 30 dias o pequeno Josué terá seu aparelho ligado e conhecerá os primeiros estímulos sonoros.

Em duas semanas a equipe realizará mais 2 implantes em crianças, em 2 casos de Mondini graves.

As indicações principais em crianças são as malformações principalmente agenesia de cóclea e nervo auditivo, Mondini, cócleas totalmente ossificadas, maus resultados em implantes cocleares sem explicação entre outras.

Esta pioneira técnica trará uma esperança para aqueles casos nos quais os implantes cocleares não são possíveis.