Quem Somos | O que é? | Aparelhos | Artigos | Agenda | Testemunhos | Perguntas Frequentes | Links | Contato
01/10/2008 Centro de Audiologia da Forl É Considerado um dos Mais Modernos do Mundo
Equipamentos de ponta para diagnóstico audiológico e trabalho multidisciplinar e em equipe são os diferenciais da entidade coordenada pela fga. Isabela Jardim
O Centro de Audiologia da Fundação Otorrinolaringologia foi inaugurado em março de 2007 com o objetivo de oferecer excelência no serviço de diagnóstico e de reabilitação com prótese auditiva, como acontece nos grandes centros de países desenvolvidos. E vem cumprindo muito bem sua função, sendo considerado um dos mais modernos do mundo. "Nossa equipe está totalmente envolvida no atendimento audiológico", diz a responsável pelo Centro, a fonoaudióloga Isabela Jardim, especialista em Audiologia Clínica, com mestrado em Ciências e atualmente com doutorado em Ciências em andamento na área de prótese auditiva.

Localizado à Rua Teodoro Sampaio, 352, conj. 151, no bairro de Pinheiros, em São Paulo, o Centro está aberto para receber pacientes de médicos de todo o Brasil, tanto para casos usuais como os mais complexos. E um dos fatores que colocam a instituição como referência é o investimento em equipamentos para a realização de exames e para teste de prótese auditiva, de última geração. Também são realizadas pesquisas científicas para melhoria da satisfação no uso dos aparelhos auditivos.

Aliás, na área de reabilitação, o Centro da FORL trabalha com multimarcas - são testadas várias marcas e modelos de prótese, adaptando a melhor para cada paciente. "Indicar o Centro para seu paciente torna mais ética a relação entre o médico e as empresas de aparelhos auditivos. Desta forma o profissional não se 'prende' a uma determinada marca e não expõe seu paciente aos apelos comercias naturais da atividade de venda de aparelhos", diz o Prof. Dr. Ricardo Bento, vice-presidente do Conselho Curador da Fundação Otorrino.

A união entre tecnologia e humanização é o que torna o atendimento tão especial, como explica Isabela Jardim na entrevista a seguir:

Como é o atendimento no Centro de Audiologia da Fundação?
Fga. Isabela - Buscamos conciliar tecnologia com gestão de pessoas e hospitalidade na saúde em cada atendimento, desde a recepção até o encerramento da consulta ou do tratamento. Basicamente trabalhamos com dois públicos: um que vem realizar exames e outro para reabilitação de prótese auditiva. Neste segundo grupo temos o diferencial de podermos examinar o paciente, indicar e fazer testes domiciliares e avaliação clínica com qualquer marca de aparelho auditivo disponível no mercado, antes que a pessoa o compre. Caso tenha indicação, ela pode adquirir o aparelho com a própria marca. No final, também entramos em contato com o médico e enviamos um relatório do paciente para que ele possa acompanhar o caso.

Na parte tecnológica, o que pode ser destacado?
Fga. Isabela - O serviço está equipado com os mais modernos equipamentos para diagnóstico audiológico colocados à disposição da classe médica e fonoaudiológica. Em relação aos exames, podemos realizar audiometria em crianças e adultos; audiometria de alta freqüência; imitanciometria para recém-nascidos, crianças, adultos e idosos; emissões otoacústicas evocadas transientes e por produto distorção; avaliação do ganho de inserção.

Quais são os principais casos que chegam até vocês?
Fga. Isabela - Atualmente recebemos pessoas com diferentes tipos de perda auditiva. A maioria relata sentir dificuldade de comunicação, mas tem receio de usar o aparelho ou conhece alguém que passou por experiência negativa anterior.

Como funciona a reabilitação auditiva?
Fga. Isabela - É um programa terapêutico voltado a indivíduos portadores de deficiência auditiva de diversos graus e que necessitem estimulação e orientação. As estratégias são dirigidas à melhora do desempenho em situações de comunicação oral e desenvolvimento de linguagem. O atendimento neste setor é privado, podendo ser feito por meio de vários convênios médicos. Já o aparelho auditivo pode ser adquirido diretamente com a empresa do aparelho indicado, de acordo com a negociação conveniente do paciente.

Como fazer para ser atendido no Centro da FORL?
Fga. Isabela - O serviço está aberto para a população em geral. O paciente é atendido por indicação médica, de médicos de dentro ou fora do Hospital das Clínicas (HC). Qualquer médico pode encaminhar o paciente.

Profissionais da área médica e fonoaudiológica podem entrar em contato para buscar informações, trocar experiências?
Fga. Isabela - Nosso trabalho no Centro é multidisciplinar e em equipe, pois o paciente precisa ser visto como um todo. Assim, o serviço está à disposição de todos os profissionais e eles podem entrar em contato pelo telefone (11) 3062-9328 ou por e-mail isabela@forl.org.br e centrodeaudiologia@forl.org.br.

SERVIÇO
Centro de Audiologia da FORL
Rua Teodoro Sampaio, 352, conj. 151
Pinheiros - São Paulo (SP)
Tel. (11) 3062-9328