Quem Somos | O que é? | Aparelhos | Artigos | Agenda | Testemunhos | Perguntas Frequentes | Links | Contato
Aparelho auditivo genérico desenvolvido por pesquisadores da ORL do HCFMUSP ganha destaque
Equipe da Otorrinolaringologia do HCFMUSP, chefiada pelo Prof. Dr. Ricardo Ferreira Bento, apresentou ao Jornal Nacional, o aparelho genérico desenvolvido na universidade que será produzido em larga escala, a partir do próximo ano.

Manaus, o aparelho auditivo genérico retroauricular, que está sendo desenvolvido pela equipe de pesquisadores do HCFMUSP e Escola Politécnica, com a coordenação do Prof. Ricardo Ferreira Bento, foi apresentado aos telespectadores brasileiros, dia 25 de fevereiro, em reportagem realizada por Alan Severiano, no Jornal Nacional.

"É um trabalho novo, que estamos desenvolvendo há cerca de dois anos, com a equipe da LIA - Laboratório de Investigações Acústicas - da FMUSP, sob a supervisão do Prof. Silvio Penteado e, os aparelhos auditivos que estão em teste, tem tido uma resposta de boa qualidade, necessitando apenas dos ajustes normais conforme as necessidades do paciente", diz Prof. Dr. Ricardo Ferreira Bento, um dos idealizadores do novo aparelho.

Na matéria foi destacada a importância desse trabalho a toda população brasileira. "Os aparelhos auditivos digitais Manaus sairão por um custo menor e poderão ser utilizados por um maior número de brasileiros com perdas auditivas discretas, moderadas e moderadas severas, com um tempo maior de bateria", informa Silvio Penteado, pesquisador envolvido nesse trabalho.

Produção em larga escala

O aparelho, que tem sido produzido em pequena escala e testado em pacientes do HCFMUSP, terá sua produção ampliada no decorrer desse ano, aumentando muito durante 2011. "O Manaus tem várias vantagens sobre os existentes no mercado. Além da bateria ter maior carga elétrica, a manutenção é mais barata, o custo é muito menor e apresenta um ganho de 67 decibéis em relação aos existentes no mercado", disse o Prof. Sergi Garbi, entrevistado na matéria.

A paciente Eulália Rodrigues, que utiliza o aparelho auditivo genérico há cerca de um ano e meio, aprova o aparelho. "Agora, eu posso ouvir meus filhos, meu marido e a televisão. É muito bom", finalizou a entrevistada em rede nacional.

Atualmente, cerca de 1,5 milhões de pessoas utilizam aparelhos auditivos no Brasil e 70% deles são comprados pelo governo através do SUS com um custo entre R$ 525,00 e R$ 600,00 cada um. "O Manaus sairá por cerca de R$ 300,00, um benefício para a população que necessita do aparelho para poder ouvir e se comunicar com os outros", finaliza Prof. Ricardo Ferreira Bento.

Confira a matéria no LINK DO JORNAL NACIONAL